terça-feira, 17 de outubro de 2017

O MAGNETISMO NA CASA UMBANDISTA



     Neste livro, a fisiologia do passe é aprofundada na forma de um guia prático. São elucidadas questões essenciais para todo trabalhador disposto a doar um fluido magnético saudável aos amigos espirituais. Os conceitos de magnetismo, duplo etéreo e aura humana são explicados com simplicidade didática, correlacionando-os ainda a noções básicas de anatomia humana, aos chakras e às energias primordiais dos Orixás, canalizadas com o uso dos cristais e cromoterapia, saberes mantenedores da saúde orgânica e psíquica do indivíduo. Sem dúvida, trata-se de valioso roteiro de estudo com relatos de casos reais, contribuindo para compreendermos que depende de nós a construção da própria saúde, despertando-nos a consciência para a vida além da matéria e à indispensável educação emocional, que são pré-requisitos mínimos exigidos para uma parceria mediúnica madura com os nossos mentores e guias espirituais, neste atual momento planetário.

Livraria do Triângulo

quinta-feira, 5 de outubro de 2017

      ORIXÁS, OS SENHORES REGENTES DOS ELEMENTOS E DAS FORÇAS DA NATUREZA.

     Ar, terra, fogo e água; elementos estruturantes e constitutivos da vida planetária. Como estas forças nos influenciam? Como as percebemos no mediunismo de terreiro? Quais são os Orixás que regem cada elemento? Que tipo de vivração está vinculada a cada elemento e Orixá? Estas e outras elucidações são feitas no vídeo. 


terça-feira, 3 de outubro de 2017

O MÉDIUM VENCIDO POR ELE MESMO.

        Quando o médium não vence a si mesmo, vê-se frente a uma encruzilhada com 3 caminhos (escolhas) e pode desistir da sua mediunidade na Umbanda.

 

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

FEITIÇO EVOCANDO OS ORIXÁS?!?

        É possível o enfeitiçamento para prejudicar um indivíduo evocando o poder de realização dos Orixás? 
        Diante o crescimento do comércio do axé, pela facilidade de oferta de trabalhos espirituais nas redes sociais, com total ausência de ética objetivando os mais diversos fins de prejuízo à pessoas, precisamos refletir sobre a real ação dos Senhores Regentes dos Elementos, os sagrados Orixás. Na cosmovisão e gênese de origem, o equilíbrio entre a Terra e o Plano Espiritual dá-se pela oposição de duas forças; os Orixás - positivas e benéficas - e os Ajoguns – energias negativas e prejudiciais. O caráter elevado e generoso do sacerdote e mago na sua evocação, quando objetiva o melhoramento individual e coletivo, aciona os poderes de realização dos Orixás, de harmonia, saúde, abundância e prosperidade. Em contrário, o mau caráter do mesmo, abre e ativa as forças negativas – Ajoguns - e propicia que espíritos malévolos das sombras ajam, causando enfermidades, discórdias, assédios, separações, intrigas... Entenda melhor por que os Orixás não respondem aos evocadores de mau caráter. 
     Assista o vídeo!!! 

quinta-feira, 21 de setembro de 2017

Transição Planetária - Por Norberto Peixoto.

            São respondidas questões instigantes e atuais sobre o momento que estamos vivendo: os elementos estruturantes e constitutivos do planeta estão desorganizados e responderão "instintivamente" através das forças da natureza; a sincronicidade e a lei de ressonância estão sendo desequilibradas pelo padrão equivocado de pensamentos coletivos vigentes; as ações dos homens são ilusórias e partem de um individualismo exacerbado que desconsidera que tudo a nossa volta está interligado; a transição para os mundos hiperfísicos superiores passa pela mudança interna de cada cidadão; o alcance da liberação do ciclo humano de renascimentos sucessivos não depende de eventos externos, de cataclismas geológicos e sim da mudança íntima dos homens. 

      Vale a pena escutar para a nossa reflexão. 

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Reza Forte - Ramatís.

                                
     A Umbanda é universalista, eclética e abrangente, como a tônica original da mensagem de Jesus contida em seu sublime Evangelho. Em Reza Forte, Ramatís une-se novamente a Pai Tomé para, desta vez, para delinear uma abordagem profunda das práticas mágicas populares que escravizam os cidadãos a um sistema de trocas com o Sagrado, fazendo ambos importantes alertas à luz dos ensinamentos libertadores de Jesus.
     Ramatís e Pai Tomé ressaltam a atuação constante dos guias espirituais no trabalho de transformação íntima de seus médiuns, que se dá silenciosamente no contato fluídico através da mecânica de incorporação no terreiro; explicam sobre a origem multifacetada da Umbanda, religião genuinamente brasileira com influências indígenas, africanas e europeias; relatam a verdadeira significação dos Orixás, Voduns e Inquices; tecem detalhes sobre os transes, estados alterados e superiores de consciência; retomam crenças indígenas e seus cultos ancestrais, remanescentes dos rituais de Jurema, pajelança e Catimbó. Analisam ainda questões esquecidas relacionadas com a genuína ética da magia africana, dos antigos Pais de Segredo, elucidando os fundamentos destes saberes sob a pratica atual da Umbanda. 
      Enfim, esta obra traz temas muito falados e pouco compreendidos das religiões mágicas brasileiras, tão presentes na Umbanda. É, portanto uma nova luz na compreensão de nossa diversidade espiritual.

quinta-feira, 7 de setembro de 2017

Muito em breve teremos novidade, obra psicografada por Norberto Peixoto. Temas muito falados e pouco compreendidos das religiões mágicas brasileiras, tão presentes na Umbanda. Elucidações do espírito Ramatís, um mestre da sabedoria, da síntese e da convergência universal, sobre a nossa diversidade espiritual.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google analytics