sexta-feira, 29 de junho de 2012

Drenando fluídos deletérios


         Durante os momentos pecaminosos, o homem mobiliza e atrai, do mundo oculto, os fluidos do instinto animal, os quais, na sua "explosão emocional", convertem-se num resíduo denso e tóxico, que adere ao corpo astral ou perispírito, dificultando então ao homem estabelecer ligação com os espíritos do plano superior, devido ao abaixamento da sua vibração mental. E se ele não reage, termina por embrutecer-se. Porém, mais cedo ou mais tarde, a consciência do pecador dá rebate; e então, o espírito decide recuperar-se e alijar a "carga tóxica" que o atormenta. Mas, nesta emergência, embora o pecador, já arrependido, esteja disposto a uma reação construtiva no sentido de purificar-se, ele não pode subtrair-se aos imperativos da lei cármica (causa e efeito) do Universo Moral, ou seja: - a recuperação da saúde moral do seu espírito enfermo só poderá ser conseguida mediante aquele esmeril que se chama Dor e o lapidário que se chama Tempo. E, assim, como decorrência de tal determinismo, o corpo físico que ele veste agora, ou outro, em reencarnação futura, terá de ser, justamente, o dreno ou válvula e escape para expurgar os fluidos deletérios que o intoxicam e o impedem de firmar a sua marcha na estrada da evolução.

Meu reino não é deste mundo


quarta-feira, 27 de junho de 2012

Médium intuitivo e de incorporação


A escala da faculdade mediúnica é muito extensa e variada. O médium, que é também um indivíduo senhor de vasta ou reduzida bagagem psíquica milenária, está sempre presente animicamente e com o seu acervo pes­soal na comunicação mediúnica dos desencarnados. É difi­cílimo, pois, encontrar dois médiuns cuja moral, tempera­mento, cultura ou poder mental coincidam rigorosamente entre si e, por isso, produzam comunicações perfeitamente semelhantes. Mesmo quando se trata de médium de incor­poração completa, e inconsciente, a sua bagagem psíquica e a contextura de sua individualidade espiritual sempre influem nas comunicações mediúnicas, impondo certa pecu­liaridade pessoal do mesmo. Só em caso de morte física é que o espírito se desliga completamente do corpo carnal, que passa a ser o "cadáver" absoluto, o corpo sem vida e sem qualquer possibilidade de influir exteriormente.

O código moral do evangelho


segunda-feira, 25 de junho de 2012

Prato de Arroz!?!?




        "Um sujeito estava colocando flores no túmulo de um parente quando vê um chinês colocando um prato de arroz na lápide ao lado. Ele se vira para o chinês e pergunta:
        - Desculpe-me, mas o senhor acha mesmo que o seu defunto virá comer o arroz?
        E o chinês responde: - Sim, geralmente na mesma hora que o seu vem cheirar as flores!
        "Respeitar as opções do outro em qualquer aspecto é uma das maiores virtudes que um ser humano pode ter. As pessoas são diferentes, pensam diferente e agem diferente. Nunca julgue. Apenas compreenda".


        Autor desconhecido.

Dalva morena

         Dalva morena, linda, casada com Donato. Ela Dalva, muita areia para o caminhãozinho de Donato. Parecia que o tempo era seu aliado, porque não conseguia fazer estragos, pelo contrário, ficava cada vez mais bonita. Uma bela mulata, capaz de fazer parar o coração de qualquer sujeito.
Ele Donato, homem sem nenhum atrativo. Estatura mediana, o que fazia com que Dalva ficasse mais alta quando colocava um sapato de saltos altos. Elegante, charmosa. Ele desengonçado. Por mais que tentasse sua aparência era comum, não despertava interesse. Porém Donato mesmo sem nenhum atrativo era metido a malandro, a conquistador. O cara não tinha desconfiômetro e Dalva desgostosa, entrava num processo depressivo a ponto de perder toda a vitalidade, sem forças e a gaguejar quando tocava no assunto.

domingo, 24 de junho de 2012

Eparrei ô bela Oyá! Apresentação curimba oitavo seminário...


Como "nascem" os espíritos?


     
        Malgrado as dificuldades tão comuns para o intelecto humano perceber satisfatoriamente o esquema transcendental da vida espiritual, sublime e criativa do Universo, tentaremos expor-vos algo da metamorfose macrocósmica de Deus, no processo inverso da metamorfose microcósmica do homem.
Considerando-se que Deus é o Todo Ilimitado, que interpenetra, coordena e ativa a vida universal, é evidente que esse Psiquismo Cósmico precisa graduar-se em diversas freqüências vibratórias, a fim de poder governar tão eficiente e coerentemente uma galáxia ou constelação de astros, como ajustar-se às necessidades sutis e ínfimas de um simples átomo de hidrogênio.

quarta-feira, 20 de junho de 2012

OITAVO SEMINÁRIO


OITAVO SEMINÁRIO DE ESTUDOS E SESSÃO FESTIVA ALUSIVA AOS VINTE ANOS DE FUNDAÇÃO


Tema Central:

"Transição Rumo ao Cristo Interno - livro O Evangelho à Luz do Cosmo"
Editora do Conhecimento


Missão esclarecedora de Ramatís nos ensinando que o medo da morte nos momentos fatídicos de nossas existências deve ser fator de domesticação das forças primárias alojadas em nós mesmos. O homem que alcança a maturidade evangélica, plenamente cristificado, não se abala sabendo que todos os bens são transitórios e devem ser instrumentos para fortalecer as qualidades do espírito imortal.

Sábado, 23 de Junho de 2012.

Totalmente gratuito!

Ingresso: 2 quilos de alimento não perecível


Facilitador: Norberto Peixoto


Programação:


15h00min - Prece de abertura


15h10min – O evangelho é a lei do cosmo  
- Expositor: Milton / Médium do Triângulo
15h40min – Perguntas


15h50min – O código moral do evangelho
 - Expositor: Adriano / Médium do Triângulo
 16h20min – Perguntas  
                   
 16h30min – Intervalo


 17h00min – Cada um será julgado segundo suas obras
- Expositor: Denis / Médium do Triângulo
17h20min – Perguntas 


17h30min – Toques e cantos de Umbanda / Apresentação da Curimba do Grupo de Umbanda Triângulo da Fraternidade


17h50min – Meu reino não é deste mundo 
– Expositor:  Roni / Médium do Triângulo
18h10min – perguntas


18h20min – Ritual do Fogo


18h30min – Gira Festiva alusiva aos 20 anos de fundação do Grupo de Umbanda Triângulo da Fraternidade / entrega de patuás de proteção


ESTA PROGRAMAÇÃO PODERÁ SER ALTERADA.

IMPORTANTE:


- o portão de entrada abrirá as 14h00min;
- as inscrições serão no dia e rigorosamente por ordem de chegada;
- 120 vagas.

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Não julgueis


      
      O Mestre Jesus sempre servia-se das imagens do mundo terreno, conhecidas e convencionadas em sua época, para expor os ensinamentos espirituais a fim de que o homem pudesse assimilá-los o mais profundamente e além do limite objetivo da própria vida. Mas em face de sua sabedoria incomum, Jesus tecia as suas parábolas de tal forma, que as mesmas configurações descritas e enquadradas na vivência comum social e moral da época, ainda hoje estimulam e orientam a dinâmica mental do homem moderno para melhor conhecimento da vida imortal. Graças à dedicação persistente e às conclusões sensatas de um espírito de alto gabarito, como foi Allan Kardec na composição da doutrina espírita, o homem atual já pode avaliar mais intimamente as leis e os fenômenos autênticos da vida espiritual. E sob o mecanismo disciplinado da mediunidade, os espíritos mensageiros e instrutores, quando atuam por médiuns sensatos, estudiosos e fiéis, ajudam a humanidade para melhor aperceber-se do conteúdo esotérico do Evangelho de Jesus, fixando-lhes uma interpretação cada vez mais espiritual e menos humana.

sábado, 16 de junho de 2012

Quando perdemos um ente querido – caso de Mariinha

               Mariinha.
            Era assim que era chamada pela família. Era tão miudinha quando nasceu. E toda a família se tomou de amores por ela. Necessitava muitos cuidados e dedicação.
            Quando o pai da garota faleceu repentinamente, não aceitou a situação revoltando-se contra Deus, por leva-lo sendo sua família tão pobre. Ele mais a mulher davam duro o dia inteiro. Ela lavando roupa pras madame, e ele carregando pedras, como auxiliar de pedreiro.
            Agora se Deus não sabia e ninguém contou a Ele, certamente faltaria o complemento para o alimento diário daquela pequena família.
           Vagou, rodou, pelo astral, desconcertado e revoltado, contra tudo e contra todos, porque não entendia o que estava se passando. Apesar de tamanho infortúnio e se considerar deserdado da sorte, por ser pessoa dedicada ao trabalho e a família, possuía proteção dos Maiorais e ainda não caíra nas mãos da turma dos umbralinos. Estava por um fio, quando escutou um chamado, uma voz, e resolveu procurar quem lhe falava. 

sexta-feira, 15 de junho de 2012

PONTO DE EXÚ PARA UMBANDISTAS - GIRA DE EXÚ COM 12 PONTOS


Entre o perispírito e o corpo carnal

             Entre o perispírito e o corpo carnal, então, existe um medianeiro plástico ou ponte viva, espécie de elo ou conexão, que transmite instantaneamente para o mundo físico qualquer pensamento, desejo ou sentimento do espírito. Igualmente, cabe-lhe, também, a tarefa recíproca de conduzir de retorno, para a consciência perispiritual, tudo o que sucede com o corpo carnal e deve ser analisado, corrigido e gravado.
            Embora ainda seja pouco conhecido dos espíritas, o veículo que liga a margem oculta do reino espiritual com a margem do mundo material é o "duplo etérico", ou conhecido "corpo vital" dos ocultistas, esotéricos, rosa-cruzes, teosofistas e iogues. Organismo confeccionado de "éter físico", isto é, da substância que atua simultaneamente onde termina o mundo físico e começa o espiritual. O "duplo etérico" opera sob perfeita sincronia com o perispírito, numa ação e reação íntima para o exterior, e do mundo exterior para a intimidade espiritual.

quinta-feira, 14 de junho de 2012

Cavalgando nas estrelas – Ogum rompe alvorada

Ela sabia que pertencia a uma tribo indígena pele vermelha, originária da América do Norte. Não sabia precisar claramente qual delas. Entretanto via com frequência um velho índio acompanhado de um mais jovem, vestidos com roupas de couro, tranças negras e fartas caídas por sobre os ombros. Segurando três cavalos de raça, brancos, belíssimos. Sabia que o terceiro se destinava a ela. Eles a esperavam perto de uma árvore frondosa.
   No alto uma águia branca, voando em círculos, emitindo gritos agudos. Perto dos cavalos, em estado de alerta um coiote, também branco de imensos olhos claros e pelo salpicado de cinza. Seus animais de poder. Amigos fieis que podia contar sempre que precisava. Estavam com ela nos momentos difíceis para dar coragem e amparo. Nos momentos alegres para comemorar a superação das barreiras interpostas nos caminhos e aprendizados da vida. 

quarta-feira, 13 de junho de 2012

Sede perfeitos - O Evangelho À Luz do Cosmo


      Existe uma relação científica entre as leis do Cosmo e o conceito de Jesus, quando assim diz: "Sede, pois, vós outros, perfeitos, como perfeito é o vosso Pai celestial". (Mateus, 5:48).
Como analisar o imperativo da perfeição, contido nesta frase?
A frase "Sede perfeitos como vosso Pai celestial é perfeito" mostra uma ordem dada por Jesus a todos os habitantes do Planeta Terra, independente da seita ou da religião que professe.
Pergunta-se: não sabia Jesus que somos fracos e imperfeitos? Como pode Ele dar essa ordem peremptória? Lógico que Ele sabia e sabe das nossas imperfeições, mas sabe também que fomos criados à imagem e semelhança de Deus. 

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Comentando o artigo: "o que significa o fim do mundo para os espíritas."



         "De toda sorte, algumas frentes do mediunismo estão mais ativas do que outras. Estas se tornam eletivas aos benfeitores espirituais em prol dos resgates e deslocamentos no Astral, independentes de suas denominações. Assim, devemos ser zelosos em não reduzirmos a obra do outro, sua igreja, templo, centro ou religião, caindo na armadilha do etnocentrismo - minha verdade é mais verdadeira do que a do outro." 

          Prezados irmãos planetários,
        Recebi o excelente artigo "O QUE SIGNIFICA O FIM DO MUNDO PARA OS ESPÍRITAS?", ao qual me motivou e transcrevo abaixo algumas reflexões.
        O Mundo Espiritual e seus enviados atuam neste momento planetário despreocupados das denominações das doutrinas, crenças, cultos ou religiões particularizadas na Terra.
        Para a atuação da Misericórdia e Compaixão de Jesus é eletivo o estado de consciência de cada ser, encarnado ou desencarnado. É impossível igualar-se a todos nos dois lados da vida e, dado a "urgência" do momento, todas as frentes ativas do mediunismo são utilizadas para socorrer, amparar, orientar e definir quem é trigo e quem é joio. 
        Desvincula-se dos sectarismos terrenos e sensos de superioridades humanas  a atuação dos espíritos caravaneiros de Jesus do lado de lá. Em verdade, o estado Íntimo de cada alma é o que determina sua "salvação", independente da denominação doutrinária ou religiosa da qual procedem os falangeiros que auxiliam o planeta nestas horas derradeiras.
        Assim, não importa se nós atuamos no centro espírita, no terreiro de umbanda, no templo evangélico, na igreja neopentecostal,..., ou se não temos uma religião, mas o que fundamentalmente é relevante são nossas obras e o nosso estado interno de consciência.
        De toda sorte, algumas frentes do mediunismo estão mais ativas do que outras. Estas se tornam eletivas aos benfeitores espirituais em prol dos resgates e deslocamentos no Astral, independentes de suas denominações. Assim, devemos ser zelosos em não reduzirmos a obra do outro, sua igreja, templo, centro ou religião, caindo na armadilha do etnocentrismo - minha verdade é mais verdadeira do que a do outro.
        Indistintamente, todos serão julgados segundo suas obras e a cada um será dado de acordo com seu merecimento.


        Muita paz com Jesus,


        NORBERTO PEIXOTO
..........................................


O QUE SIGNIFICA O FIM DO MUNDO PARA OS ESPÍRITAS?


O fim do mundo para os espíritas significa o fim do mundo de provas e expiações (um mundo de maldade e ignorância) e o começo do mundo de regeneração (um mundo de pessoas regeneradas), ou seja, nosso planeta está evoluindo. A separação do joio e do trigo já está acontecendo após a nossa desencarnação, ou seja, após o arrebatamento de nosso espírito do corpo físico para o plano espiritual.

quinta-feira, 7 de junho de 2012

Ramatís - Norberto Peixoto parte 2 ( Umbanda )

       Informamos a publicação em nosso canal no Youtube da segunda parte da entrevista de Norberto Peixoto concedida ao programa "Ramatís - uma proposta de luz", apresentado pelos confrades Sidnei Carvalho e Zanarotti.

       Temas tratados: Atanagildo e a codificação da Umbanda, magia, exu, despachos, remoções no umbral, transe de possessão, orixá, condensadores energéticos,...;




quarta-feira, 6 de junho de 2012

A psicologia da umbanda e a educação dos médiuns

         Como psicólogo não posso deixar de perceber como a personalidade do médium vai sendo moldada com o desenvolvimento das incorporações, como sutilmente vai modificando o interno do médium com o decorrer do tempo.
Muitos já me perguntaram porque na Umbanda não tem um trabalho de preparo íntimo para os médiuns, porque os dirigentes simplesmente desenvolvem os médiuns e não preparam seus íntimos.
         Penso que os dirigentes deveriam desenvolver um trabalho de desenvolvimento interior dos médiuns, com raras exceções, a maioria dos terreiros não há uma preocupação em desenvolver um trabalho específico para a melhoria do íntimo dos médiuns.

sábado, 2 de junho de 2012

Mecanismos da magia

             
              O "endereço vibratório" é o objeto ou coisa pertencente à vítima, e que o feiticeiro depois ajusta ao seu trabalho catalisador de bruxaria. Serve de orientação para a carga maléfica tal qual os polícias fazem o cão de caça cheirar um lenço ou algo do fugitivo, do qual estão no encalço.
              Assim, o maior êxito do feitiço fundamenta-se sobre a mesma lei de afinidade comum dos experimentos de física e química, a qual disciplina as relações e a propriedade dos corpos entre si. Ademais, as coisas impregnam-se das emanações dos seus possuidores, e por esse motivo podem servir de "endereço vibratório" para as operações de magia à distância, conforme é de uso e necessidade na bruxaria. Quanto aos efeitos mortificantes que atuam sobre as vítimas enfeitiçadas, os feiticeiros os conseguem através da "projeção" de fluidos agressivos e enfermiços, que desdobram nos campos eletrônicos dos objetos preparados sob o ritual de abaixamento vibratório.

             Ramatís - Magia de Redenção

sexta-feira, 1 de junho de 2012

O espírito é indestrutível

             O espírito do homem é indestrutível, porque foi criado da essência eterna e inalterável de Deus. Mas, embora esteja vinculado à "Consciência Cósmica", é sempre uma consciência individual, que teve um princípio ou uma origem "pessoal" em certo espaço-tempo. Em conseqüência, houve uma época, ou um "momento", em que o homem começou a ter noção de existir, como a criança a ter noção de si e do meio que a cerca. O homem também define-se e individualiza-se no Universo, figurando como entidade de importância e a caminho de desenvolver o poder criativo tanto quanto amplia a sua consciência.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google analytics