sexta-feira, 30 de setembro de 2011

A mediunidade evolui?


RAMATIS: — Tanto quanto evolui o psiquismo do homem, pois ela é correlata com o seu progresso e a sua evo­lução espiritual. Mas é necessário distinguir que o padrão evolutivo da mediunidade não deve ser aferido pela produ­ção mais ostensiva dos fenômenos incomuns do mundo material. Assim é que o médium de fenômenos físicos, embo­ra possa produzir uma fenomenologia espetacular e sur­preendente aos sentidos carnais, nem por isso sobrepõe-se ao médium altamente intuitivo, como fruto de elevado grau espiritual do homem. Enquanto os fenômenos físicos depen­dem fundamentalmente da maior ou menor cota de ecto­plasma produzido pelo médium, a fim de permitir a mate­rialização dos desencarnados no cenário físico, o médium intuitivo e de alto nível espiritual também é capaz de trans­mitir mensagens que ultrapassam a craveira comum da vida humana.

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Feitiço pega só numa parte do corpo físico!?


PERGUNTA: - Recentemente o nosso grupo de apometria atendeu uma consulente que se encontrava com um dos rins magiado. Espantou-nos o específico e baixíssimo campo vibratório fixado na contra partida etérica desse órgão, como um preciso procedimento cirúrgico. É possível um feitiço, visando somente a uma certa parte do corpo físico? Como isso é feito?
            RAMATÍS: - Assim como a medicina terrena tem recursos modernos que oferecem grande precisão nos diagnósticos e procedimentos cirúrgicos, também os cientistas e magos do Umbral inferior dispõem de enormes conhecimentos, aparelhagens e recursos tecnológicos.

sábado, 24 de setembro de 2011

Vícios


Hoje em dia todos nós temos diversos vícios.
A ciência tenta explicar em todas as suas vertentes a origem dos vícios, mas filosoficamente isto é contraditório, já que o conceito de ciência não prescinde de moral ou ética, ao menos no sentido social, em sua prática investigatória, e, portanto, tal conceito não pode ser quantificado ou isolado para análise imparcial.
Por outro lado, em se tratando de dependência, seja ela de ordem orgânica, psico-social ou mista, há grandes possibilidades de se encontrar medicamentos definitivos e de maior qualidade, que eliminem o vício em suas diversas formas.
Muitas pesquisas encontram uma relação direta entre prazer (imediato) e dependência, e o poder de atração para um novo ciclo de prazer-depressão, característico de todas as formas de vício.
Muitas coisas que deveríamos fazer agora, no presente, deixamos para depois... para amanhã... para o ano que vem... Deixamos para depois o que deveríamos fazer neste instante.
Não podemos saber o que nos reserva o amanhã.       Estaremos encarnados?

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Como se instala a vampirização sexual?

PERGUNTA: - Diante de vossa assertiva: “Concluireis quão vasto campo para os técnicos, psicólogos e planejadores do Umbral inferior se dedicarem ao mal, em busca de vinganças, prazeres e vampirização energética na área genésica”: pedimos maiores elucidações. Como isso se instala?
            RAMATÍS: - Os principais "adubos" para a magia negra e as obsessões estão no sexo, nos vícios e na vaidade. As perversões de um modo geral estão relacionadas com ressonâncias de vidas passadas, em que os atos selvagens, obscenos e violentos criaram vínculos entre as criaturas envolvidas, que vão requerer várias encarnações para se desfazer.
            A troca sexual sem amor inflige ao sistema nervoso um desperdício de energia que não é compensado pelo retorno, do parceiro, de uma "porção" proporcional à doada.

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Fraternidade Ramatís


A Fraternidade Ramatisiana "Hercílio Maes", localizada no Campus I das Faculdades Integradas "Espírita", realiza trabalhos cuja finalidade é o tratamento e o apoio espiritual de pessoas da comunidade que estejam passando por problemas pessoais - baixa auto-estima, desemprego, doenças, etc. Os atendimentos são gratuitos e abertos a toda à comunidade.
História da Fraternidade Ramatisiana "Hercílio Maes":
A Fraternidade Ramatisiana “Hercílio Maes” foi fundada pelo Professor Octávio Melchíades Ulysséa, com o objetivo de dar continuidade ao trabalho do Médium curitibano Hercílio Maes, que estudava e difundia o pensamento de Ramatis.
O nome do grupo é uma homenagem ao Universalista e Estudioso Espiritualista Hercílio Maes, que durante muitos anos dedicou-se, com generosidade e carinho, a mediunidade.
A fraternidade Ramatis desenvolve várias atividades dentro do campo da mediunidade e do espiritismo. Além de uma Livraria, contendo várias obras sobre Ramatis e o Espiritismo, o grupo desenvolve também outras atividades.
O Atendimento Fraterno, onde médiuns se reúnem para dar explicações sobre o espiritismo; o Grupo de Apometria, onde os voluntários usam de uma técnica anímico-espiritual para tratar de doenças da Alma; o Grupo de Irradiações – Vibrações Coletivas, que faz um trabalho de preces para equilíbrio e harmonização dos necessitados; além do grupo de estudos de Ramatís, que tem como objetivo refletir sobre as obras e ensinamentos do médium.
A fraternidade Ramatisiana conta com cerca de 40 médiuns, que atendem cerca de 200 pessoas mensalmente de forma voluntária.
A Fraternidade Ramatis está localizada na Rua Tobias de Macedo Junior, n.º 333 Bairro Santo Inácio - Curitiba - Paraná
Fone: (41) 3111-1717 / (41) 3335-3022 (disque-espiritismo)

domingo, 18 de setembro de 2011

Trabalho de magia pega?

PERGUNTA: - A pergunta 551 do Livro dos Espíritos: "Pode um homem mau, com a ajuda de um mau espírito que lhe é devotado, fazer mal ao seu próximo?" teve a seguinte resposta: "Não. A Lei de Deus não o permite". Como explicar os diversos casos de trabalhos de magia negra, feitos para o mal, que "pegaram" nos alvos visados, advindo rápido e mórbido quadro físico, psicológico e espiritual, em casos de difícil solução, seguidamente encaminhados por centros espíritas ortodoxos para os grupos universalistas de apometria e terreiros de umbanda?
            RAMATÍS: - Sem dúvida, seria algo simplório, diante das leis divinas, justas e perfeitas, se o simples desejo de mal ao próximo, com o auxílio dos habitantes do Astral inferior, fosse capaz de efetivamente provocar o mal desejado. Observai que a maioria dos trabalhos de magia negra com o auxílio da escória mercantilista das baixas zonas umbralinas não oferece nenhum efeito prático diante dos alvos visados, pois acabam sendo unicamente um meio de escambo, de troca de interesses desditosos, com oferecimento das ambicionadas moedas dos homens.

sábado, 17 de setembro de 2011

Vídeo histórico

Segue link vídeo histórico referente 3 anos fundação 
13/mai/2008.
 
Ainda não tinhamos o forro no teto....
 
 

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

A espera de um messias

Inicio primavera 2011 - Porto Alegre / IAPI

Os violentos se libertam do cárcere!?



"Todos os conceitos de Jesus devem ser examinados sob os diversos sentidos educativos e legislativos, em todas as épocas da vida humana. Tudo que o Mestre Jesus pregava e ensinava guarda sempre o sabor definitivo das coisas eternas. Nas entrelinhas de suas palavras, permanece vivo o espírito das leis, que coordenam cada gesto, movimento, ato e fenômeno acontecível tanto no "microcosmo", como no "macrocosmo". Embora a letra de suas palavras se endereçasse particularmente aos acontecimentos da existência física transitória, na sua intimidade era o esclarecimento específico da vivência espiritual."

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

É perigoso o estudo e prática da magia?

PERGUNTA: - Observamos que alguns companheiros espíritas apresentam intenso pânico à simples menção da palavra magia. Ficam paralisados, trêmulos e suando frio quando se defrontam com um consulente que se diz objeto de "trabalho feito". Existem perigos mentais ou emocionais no estudo e prática da magia, nos moldes da apometria e da umbanda, que justifiquem tais reações? Ao lidarmos com os elementos e os espíritos da natureza, pode haver desequilíbrios psicoespirituais?
            RAMATÍS: - Deveis sempre ter em mente que sois uma individualidade em evolução que ainda não concluiu o processo de individuação espiritual. Em cada encarnação, como escola do espírito retido no ciclo carnal, se impõe a ele a construção de uma personagem para a estada terrena, complexa e "torpedeada" por reminiscências do inconsciente, ressonâncias de vidas passadas que pulsam da mente e se instalam na rede neuronal. Quando iniciais os trabalhos práticos de magia que envolvem mediunismo, seja na apometria ou na umbanda, atraís todos os traumas reprimidos do passado que vão se integrando à consciência. Assim, pode acontecer de alguns neófitos na magia começarem a apresentar sinais de instabilidade psíquica, o que não se deve ao estudo e prática da magia em si, mas às disposições que os assolam do mais íntimo do ser.

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Descoberto novo planeta

Cientistas anunciam descoberta de planeta com possibilidade de abrigar vida

HD 85512 b fica a 36 milhões de anos-luz da Terra e tem chance de ter água na forma líquida

Cientistas do Observatório Europeu do Sul (European Southern Observatory - ESO) anunciaram a descoberta de um novo planeta que poderia abrigar vida. Batizado como HD 85512 b, estaria localizado a 36 milhões de anos-luz da Terra, tendo uma massa 3,6 vezes maior do que o nosso planeta. A publicação do ESO informa que o planeta está situado em uma "zona habitável".  A constatação é baseada no fato de ele estar em torno de uma estrela semelhante ao Sol — da constelação de Vela.

Segundo os cientistas, se as condições forem adequadas, o HD 85512 b pode ter água sob a forma líquida.

— Este é o planeta de menor massa descoberto pelo método das velocidades radiais que se encontra potencialmente na zona de habitabilidade da sua estrela — explicou a especialista Lisa Kaltenegger, do Instituto Max Planck e Harvard Smithsonian Center for Astrophysics.

O novo planeta é um dos 50 recentemente descobertos pelo ESO usando o potente telescópio Harps. Desses, 16 foram classificados como "Super-Terras", que é como se chamam os planetas com massas entre uma e dez vezes a da Terra, mas não tão grandes a ponto de se tornarem inabitáveis.

Os cientistas acreditam que estão mais perto de encontrar planetas parecidos com a Terra próximos a estrelas do tipo "Sol".

— Entre 10 e 20 anos deveremos ter uma primeira lista de planetas potencialmente habitáveis — explicou o líder do estudo, Michel Mayor, da Universidade de Genebra.

As novas descobertas foram anunciadas em um congresso científico internacional sobre Sistemas Solares Extremos, que juntou 350 especialistas no Wyoming, Estados Unidos e serão publicadas na revista científica especializada Astronomy & Astrophysics.


Fonte: Zero Hora

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Após a morte

        "É conveniente saberdes que o êxito espiritual reside, acima de tudo, no bom aproveitamento das lições vividas em ambas as regiões, ou seja no mundo astral e na crosta física. É óbvio que esse maior ou menor aproveitamento do espírito varia de conformidade com os inúmeros fatores que já imperam no seio de cada alma em experimentação educativa. Conseqüentemente, em cada experiência vivida, avaliada e descrita pelo seu próprio agente espiritual, sempre existem situações, ensejos e soluções desconhecidas que podem servir-nos de orientação e apressamento para o término do curso de nossa ascensão espiritual."

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

A face ocultas das moléstias



PERGUNTA: — A lei Cármica tem alguma relação íntima com os padecimentos de certas criaturas submetidas a tratamentos dolorosos através da cirurgia ou da terapêutica alopática?
RAMATIS: — Atualmente, devido ao estado moral e espiri­tual do cidadão terreno, a Lei Cármica ainda lhe preconiza um tratamento doloroso, à base de hipodérmicas, tubagens, cauteriza­ções, drenos, operações ou extrações de órgãos combalidos, aplica­ções e ingestão de medicamentos repulsivos, tóxicos e lesivos, que funcionam como efeitos das causas culposas do passado.

domingo, 11 de setembro de 2011

As Dores da Alma


Sinopse do livro:

O autor espiritual Hammed, através das questões de "O livro dos Espíritos", analisa a depressão, o medo, a culpa, a mágoa, a rigidez, a repressão, dentre outros comportamentos e sentimentos, denominando-os "dores da alma" e criando pontes entre os métodos da psicologia, pedagogia e da sociologia, fazendo o leitor mergulhar no desconhecido de si mesmo no propósito de alcançar o auto-conhecimento e a iluminação interior.

sábado, 10 de setembro de 2011

Mancha, o gato do Exu Tiriri

 

O Mancha foi deixado numa PET SHOP por uma madame que não veio buscá-lo. Foi recolhido da rua, ainda filhotão, mais especificamente numa encruzilhada. É mascote do Exu Tiriri, sempre atento, vigilante, é bastante sensível em relação aos tipos de energias do meio que nos cercam. Vejam ele na chaminé da churrasqueira do vizinho. Adora passear nos telhados.

Laroyê Exu!!!

Laroyê Sr. Tiriri!!!

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

O prumo que alinha a construção


"O evangelho do Cristo é um tratado cósmico de libertação espiritual do homem que, como o prumo que alinha a construção, ajusta os tijolos internos da obra divina de Deus em seus filhos, diante da máxima “Eu e o Pai somos um”, ajustando-os ao metabolismo das leis supremas do Universo, que valem para todas as religiões da Terra, independente de sua procedência."
 
"Assim como o plantador de feijão deve regar com a quantidade certa as sementes, sob pena de colocar excesso de água e apodrecer as raízes, ou pouca água e o solo não ficar suficientemente umidificado para nutrir as tenras folhas, danificando-as pelo ressecamento, assim o espírito eterno, enquanto não aprender a operar equilibradamente as Leis Cósmicas, colherá em si e para si as conseqüências boas ou ruins da sua falta de habilidade."

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Pretos-Velhos: oráculos, crença e magia


Resumo: Esta tese parte da seguinte pergunta: O significa a divinização de escravos nos ritos contemporâneos em que se cultuam os pretos-velhos? Para compreender por que motivo os escravos são divinizados na contemporaneidade em ritos públicos e privados, além de detalhada etnografia de rituais que praticam a devoção aos pretos-velhos, foi também feita uma análise das representações dos participantes desses rituais. O culto aos pretos-velhos remete a narrativas contemporâneas do cativeiro, sendo símbolo que sustenta múltiplos entendimentos sobre a escravidão brasileira e atualiza seus significados através de rituais religiosos. Os pretos-velhos são reconhecidos como "espíritos de escravos" e entidades cultuadas na umbanda. O culto faz parte da cultura popular religiosa brasileira, estando presente em diferentes religiões do campo espírita. Por esse motivo, observei rituais na barquinha, em casas de candomblé, na umbanda, em grupos que seguem a doutrina de Alan Kardec e na arca. A presença dos pretos-velhos não está restrita ao universo religioso público, é cultuado em ritos privados, sendo este um aspecto que demonstra o vigor da prática umbandista e das modelações religiosas, que apresentam novas faces deste culto. Sua presença neste âmbito privado reforça o sentido de familiaridade que tais entidades representam, pois são nominadas pelos evocativos de "pai", "tio", "tia", "avó", expressando vínculos de consangüinidade que fortalecem os laços entre o ente e seu devoto. Neste trabalho constatamos que a devoção aos pretos-velhos reflete a construção social da identidade nacional, implicada na pertinência de resgatar a afinidade como o cativeiro. Finalmente, pergunta-se em que medida esta identidade - construída nesse campo e que afeta pessoas de todas as classes, - está sendo substituída por outra concepção de escravidão, de negro e de nação. Esta última questão certamente demandará trabalhos futuros para ser melhor respondida.

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Ainda precisamos de atos ritualísticos?


PERGUNTA: - Somos de opinião que as preces iniciais, as contagens de pulsos magnéticos, as formas geométricas verbalizadas e a criação de campos de força, os cânticos e o estalar de dedos, que fazem parte do roteiro de abertura nos grupos de apometria, nada mais são que um ritual, embora sem o apoio em condensadores energéticos materiais. Diante do mentalismo da Nova Era e do racionalismo espírita, esses procedimentos não são dispensáveis? Ainda precisamos de atos ritualísticos?
       
            RAMATÍS: - Sem dúvida. Ficareis surpresos ao saber que no Espaço se utilizam os rituais. A idéia preconcebida de que o mentalismo predomina nos planos sutis não faz com que se dispense os ritos, o método, a ordem, a hierarquia, a disciplina e os procedimentos necessários para se manipular a massa amorfa que é o fluido cósmico universal, que, por sua vez, é a matéria-prima que anima todo o Universo manifestado na forma.

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Eteriatria, uma proposta de trabalho prático

           Por Adriano Appel - médico e médium do Grupo de Umbanda Triângulo da Fraternidade.
     A sistemática dos trabalhos de Magnetismo/Eteriatria das terças-feiras tem  seguido os moldes dos demais dias de trabalhos do Triângulo da Fraternidade.
            Os consulentes que chegam neste dia tanto podem estar vindo pela primeira vez seja por conta própria ou encaminhados por algum dos outros dias de trabalho da casa quanto tratar-se de retorno de consulentes que vem em tratamento sequencial. Na primeira vez as pessoas recebem uma ficha de anamnese para preenchimento onde informarão histórico familiar e pessoal de doenças, tratamentos prévios ou atuais, cirurgias, hábitos de vida como fumo e uso de bebidas alcoólicas, bem como o motivo que levou cada um a procurar o atendimento. Esta ficha será avaliada no momento da triagem quando os dirigentes do dia conversam com os consulentes a fim de verificar a necessidade deste tipo de atendimento ou direcionar ao tratamento adequado. 


           

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Ante a Luz da Verdade

"Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará".-Jesus.(João,8:22)

A palavra do Mestre é clara e segura.

Não seremos libertados pelos aspectos da verdade ou pelas "verdades provisórias"de que sejamos detentores no círculo das afirmações apaixonadas a que nos inclinemos.
Muitos, em política, filosofia, ciência e religião, se afeiçoam a certos ângulos da verdade e transformam a própria vida numa trincheira de luta desesperada, a pretexto de defendê-la,quando não passam de prisioneiros do "ponto de vista".
Muitos aceitam a verdade, estendem-lhe as lições, advogam-lhe a causa e proclamam-lhe os méritos, entretanto, a verdade libertadora é aquela que conhecemos na atividade incessante do Eterno Bem.
Penetrá-la é compreender as obrigações que nos competem.
Discerni-la é renovar o próprio entendimento e converter a existência num campo de responsabilidade para com o melhor.
Só existe verdadeira liberdade na submissão ao dever fielmente cumprido.
Conhecer, portanto, a verdade é perceber o sentido da vida.
E perceber o sentido da vida é crescer em serviço e burilamento constantes.
Observa, desse modo, a tua posição diante da Luz... Quem apenas vislumbra a glória ofuscante da realidade, fala muito e age menos. Quem, todavia, lhe penetra a grandeza indefinível, age mais e fala menos.(Livro: Fonte Viva Emmanuel  / Francisco Cândido Xavier)


domingo, 4 de setembro de 2011

Os caminhos que nos conduzem ao mestre

Fonte: Boletim Eletrônico Doutrinário do T. E. do Cruzeiro da Luz
Ano 2011 – 151

Vamos à opinião abalizada de um estudioso dos problemas da alma, da vida material e espiritual, o Dr Aníbal Vaz de Melo, na magnífica página intitulada “O Caminho”, do  livro “O Evangelho à Luz da Astrologia”, a fim de aplicarmos esse precioso esclarecimento, em nossas vidas, mormente como umbandistas:

Na verdade o caminho que nos conduz ao Mestre é difícil de ser trilhado. Difícil e doloroso. Muitos acreditam que seja preciso uma viagem ao Tibet misterioso para o aprendizado necessário. Puro engano! O caminho não está em determinadas regiões da Terra, fora do alcance comum e das possibilidades humanas. O peregrino encontrará o seu sendeiro na mesma cidade e lugar onde o destino o colocou.

As provas de experimentações impostas aos candidatos ao noviciado espiritual não se encontram também nos cerimoniais complicados e fossilizados de várias lojas e seitas religiosas, mas apenas na percepção dos pequenos lances da vida quotidiana nas renúncias diárias de coisas que aparentemente parecem úteis e imprescindíveis, mas que na realidade pouco significa. O que importa ao caminhante é saber aproveitar as experiências e as esplêndidas lições do agora, porque é neste efêmero que está à plenitude da Eternidade, e neste agora que está a Vida, que também é eterno presente.

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Sábado, 03 de setembro de 2011.

Sétimo Seminário

Totalmente gratuíto!
Ingresso: 2 quilos alimento não perecível.

Tema central:


"A FISIOLOGIA OCULTA DAS DOENÇAS E A IMPORTÂNCIA DO MAGNETISMO NO DUPLO ETÉREO"

Programação:

14h00min - A face oculta das moléstias
Mariléa de Castro / médium e dirigente fundadora do Grupo de Estudos Ramatís de Porto Alegre
14h45min - peguntas e respostas

15h00min - O perispírito e o duplo etéreo nas curas espirituais
Denis Schossler / farmacêutico e médium do Grupo de Umbanda Triângulo da Fraternidade - Porto Alegre
15h30min - perguntas e respostas

15h45min - Intervalo

16h15min - Eteriatria, uma proposta de trabalho prático

Adriano Appel / médico e médium do Grupo de Umbanda Triângulo da Fraternidade
16h45min - perguntas e respostas

17h00min - Intervalo

17h15min - Adorei as almas / apresentação curimba do Grupo de Umbanda Triângulo da Fraternidade

18h00min - Sessão de autógrafos lançamento do livro "O Triunfo do Mestre"
Norberto Peixoto - médium e dirigente fundador do Grupo de Umbanda Triângulo da Fraternidade
 
Importante:

- o portão de entrada abrirá pontualmente as 13h00min;
- a ocupação dos assentos será rigorosamente por ordem de chegada;
- 120 lugares e/ou vagas;
- esta programação poderá ser alterada.

Falando de eteriatria


Pergunta: Pedimos maiores elucidações sobre a atuação no complexo etereoastral pela técnica dita apometria.
 Ramatís – Devido a que a atuação no duplo etérico se sobressai em importância, em nosso singelo modo de ver podeis denominar de “eteriatria” a forma de tratamento magnético que compõe a técnica de apometria e objetiva interferir nas camadas dos éteres desse corpo mediador, duplo do corpo físico.
Associai a energia magnética de origem animal – ectoplasma – direcionada pela aplicação da força mental, conjugado-a com as energias de alta freqüência vibratória provenientes da imensidão cósmica, movimentada pelos espíritos responsáveis do lado de cá, adequadamente enfeixada e projetada através da mente do operador encarnado sobre o consulente. Tende em mente os estados naturais da matéria: a água é líquida e tem moléculas afastadas, o que permite alta maleabilidade a sua forma. Quando congelada solidifica-se, com as moléculas justapostas aumentando-lhe a densidade. Ao se evaporar gaseifica-se, pelo afastamento das moléculas umas das outras. Assim a área visada do duplo etérico, que é formado por camadas adjacentes e interpenetradas no corpo astral - perispírito - se torna mais maleável, de conformidade com a quantidade e intensidade de energia mental-magnética que lhe é projetada.

A força mental do homem

Pergunta – Solicitamos algumas breves considerações sobre a força ou poder mental do homem.
    Ramatis : O homem, feito à “imagem” do Criador, possui o poder criador do Pai. Por sua essência divina imanente tem um raio de ação criativo, todavia finito e microcósmico, se comparado com a infinita abrangência da Mente Universal que a tudo permeia. As dores, os fracassos, os sofrimentos e a maldade no mundo são unicamente frutos do uso inadequado do poder e energia mental criativa dos homens. Assim, se Jesus afirmou “eu nada faço, é o Pai que faz por mim”, por outro lado sentenciou “Aquele que crê em mim, também fará as obras que eu faço, e ainda mais”, indicando o seu sublime Evangelho como roteiro para as obras dos discípulos, a fim de que os pensamentos tenham sei poder criador e de realização regulado pelas leis universais.

Existem pecados?

Pergunta –Diante da máxima universal de que a semeadura é livre e a colheita obrigatória, não existem pecados, apenas causas e efeitos,  o fato de Jesus liberar-nos da responsabilidade pelos nossos pecados – atos - não nos infantilizou espiritualmente ao longo da história, pelos caminhos que as religiões instituídas deram ao cristianismo? O que tendes a dizer a esse respeito?
Ramatís – Em verdade Deus não estabelece nenhum sistema punitivo aos cidadãos em evolução. Todas as dores e sofrimentos humanos, individuais e coletivos, regem-se pela mais absoluta justiça, por mais desagradáveis e trágicas que possam ser as colheitas de cada alma.
Os seres ignorantes, semeando descaso com a Lei Maior, ativam inconscientemente um automatismo cósmico retificador que reage em igual proporção, alinhando-os novamente nos trilhos de ascensão à estação angélica.
Ninguém é punido ou castigado porque “peca”, eis que o pecado serve tão somente às religiões para esculpirem a culpa, o medo e a dominação nos crentes. Além do que, aquilo que não era pecado ontem é hoje, e o que é pecado na atualidade antigamente não era. Se os costumes morais e religiosos não mudassem conforme o contexto da época, nos dias atuais seria normal se matar o inimigo e o matador ser ovacionado ao voltar para casa com o derrotado morto puxado pelos cabelos; e os ritos sagrados de algumas etnias silvícolas em que se comia os desafetos assados ainda seriam normais. Em sentido inverso, as mulheres divorciadas da sociedade atual seriam pecadoras hereges destinadas à fogueira; não se teria liberdade de opção religiosa e os bispos e cardeais católicos continuariam ricos, tendo muitas amantes e mandando em vossos governantes.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google analytics