CALENDÁRIO VERÃO 2018.

ENCERRAMENTO 2017

08/12/17 – 6ª Feira: Sessão Pública.

15/12/17 – 6ª Feira: Última Sessão Pública.

Calendário Verão 2018

Atenção: Janeiro e Fevereiro Sessões Quinzenais!

12/01/18 – 6ª Feira – Sessão Pública.

26/01/18 – 6ª Feira Sessão Pública.

09/02/18 – 6ª Feira – Sessão Pública.

23/02/18 – 6ª Feira – Sessão Pública.

09/03/18 – 6ª Feira – Sessão Pública.

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Equilibrando o chacra básico

1) Aprender a relaxar e reservar algum tempo para todas as necessidades básicas, como dormir, comer, fazer sexo e rir;


2) Fazer uma coisas de cada vez sem a distração de telefones, televisão ou trabalho;


3) Criar oportunidades de caminhar em meio à natureza, principalmente descalço. Descubra uma árvore que realmente o atraia e encoste-se ou sente-se apoiado nela. Entre em contato com sua força, seus alicerces e sua altura, e imagine suas raízes firmemente plantadas na terra, enquanto seus barcos se estendem para o céu;


4) Se você sabe que é controlador, crítico ou perfeccionista, pegue leve. Aprenda a segurar a língua, a contar até dez antes de falar e a se concentrar mais na relação afetiva do que em provar que você está certo;


5) Se você reconhece sua necessidade de ser perfeito e é algo que o aborrece, faça uma ou duas coisas para mudar essa tendência. Use o relógio no outro braço, use meias despareadas, dê risadinhas ao baixar os olhos, não lave aquela última xícara antes de ir dormir, não arrume a cama antes de sair e faça aulas de dança do ventre. A espontaneidade e a flexibilidade são fundamentais para um chakra de base saudável;



6) Ponha de lado a “vara” com que você se castiga ao cometer um erro; tudo é perfeito, mesmo nossos supostos erros. Nossa autopunição é muito pior do que o castigo nas mãos dos outros. Escreva isso numa folha de papel ou fale para si mesmo em voz alta, se ajudar, e depois comece a perdoar, aprendendo com a experiência e usando a sabedoria recém adquirida no futuro;



7) Em vez de aceitar as críticas que os outros lhe fazem, enfrente-os. “Por que é que toda vez que nos encontramos você tem de fazer um comentário que soa como uma crítica?” Você também pode optar por aceitar o que dizem sem ficar na defensiva. “Você é um burro.” Você pode replicar: “Sou, mas estou feliz comigo mesmo. Por favor, aceite-me como sou, em vez de querer me mudar.”



8) Dançar, cuidar do jardim, caminhar, fazer potes e esculturas de argila são atividades que podem ajudar-nos a estabilizar nossa energia. Procure não se propor tarefas que depois o façam correr contra o tempo: tantos quilômetros em tantas horas. Desfrute a experiência;



9) Opte por estar neste planeta e estar aqui de uma forma única, que é a sua, sem a necessidade de provar coisa alguma para ninguém. Ficar de pé com joelhos ligeiramente curvados e gritar “SIM!” é realmente uma afirmação de direito à vida;



10) Se uma determinada situação faz você se sentir inseguro, coloque os pés firmemente no chão e imagine ímãs puxando as plantas de seus pés para o fundo da terra. Isso fortalece o chakra da base e você pode falar ou agir a partir de um ângulo que lhe dá mais autoridade;



11) A cor vermelha está relacionada a este chakra. Concentre sua atenção na base da coluna e deixe sua intuição escolher uma cor que parece fortalecer essa região.  Se necessário, use roupas vermelhas na parte de baixo do corpo, mas lembre-se de que vermelho demais pode esgotá-lo e, por isso, é preciso tomar cuidado.

Christine R. Page, in
Anatomia da Cura
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google analytics