CURSO UMBANDA PÉ NO CHÃO COM NORBERTO PEIXOTO.

O CURSO FOI PROVISORIAMENTE SUSPENSO PELO RECESSO CORONAVÍRUS. REMARCAREMOS EM BREVE E TODOS OS INSCRITOS TEM SUA VAGA GARANTIDA.


CURSO UMBANDA PÉ NO CHÃO COM NORBERTO PEIXOTO.

- PRESENCIAL E GRATUITO.

O curso objetiva transmitir aos participantes uma consciência espiritual, dentro da tradição de oralidade da Umbanda de raiz; presencial, de boca a orelha. A palavra verbalizada é fundamento, conduz axé e um fluxo de consciência do espiritual para o material, do orientador para os “alunos”.

INÍCIO: dia 18 de março de 2020, encontros semanais, toda quarta-feira, com DURAÇÃO de 8 a 10 semanas.

HORÁRIO: das 20 h e 00 min às 21 h e 30 min (o portão de entrada abre às 19 h e 30 min).

LOCAL: Grupo de Umbanda Triângulo da Fraternidade

Rua Barão de Tramandaí, nº 23 – Passo d’Areia

Porto Alegre – RS

INSCRIÇÕES: somente 30 vagas e as inscrições serão presenciais em dia de Gira, na secretaria do Grupo de Umbanda Triângulo da Fraternidade, às sextas-feiras à noite, a partir do dia 28/02/20. Não faremos inscrições por email ou WhatsApp. É pré-requisito comparecer, se fazer presente para se inscrever. As aulas não serão gravadas nem transmitidas ao vivo.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

As aulas serão dinâmicas – o primeiro tempo de sustentação oral pelo facilitador e o segundo interativo com perguntas e respostas. Não utilizaremos recursos audiovisuais e não concederemos certificado. Os conteúdos estão no livro UMBANDA PÉ NO CHÃO. Recomendamos a leitura do livro para melhor aprendizado de cada aula, conforme o programa a seguir:

Origem e história da Umbanda: advento do Caboclo das Sete Encruzilhadas

Estrutura astral do movimento umbandista

O que são Orixás, Guias e Falangeiros

Formas de apresentação dos espíritos

As linhas de trabalho

As firmezas e tronqueiras

O cruzeiro das almas

A Curimba, os cantos e os toques – a música sacra de terreiro

Os preceitos

As consagrações

A convergência universalista da Umbanda

As influências e diferenças dos cultos africanos, da pajelança indígena,

do catolicismo e do espiritismo

O axé através da mediunidade;

Estrutura energética do homem, Carma e regência dos Orixás

Finalidade dos amacis e banhos de ervas

A importância do ritual, o espaço sagrado nos terreiros e sua diversidade de culto

O transe nos terreiros

A incorporação consciente

As diferenças ritualísticas e a formação da consciência umbandista

A união nas desigualdades; Religião, filosofia, ciência e arte

A magia na Umbanda; as dimensões física, etérica, astral e a movimentação

mediúnica de energias entre elas;

O fundamento dos elementos e dos condensadores energéticos: ar, terra, fogo e água, álcool, ervas, a fumaça, o som; as guias; os pontos riscados; a pólvora; as oferendas; a água;

Os fundamentos do congá (atrator, condensador, dispersor, expansor,

transformador e alimentador)

A sessão de caridade;

O preparo

O desenvolvimento mediúnico

O que se aprende nas sessões de desenvolvimento?

Os passes e aconselhamentos espirituais

Por que os Orixás não incorporam?

A desobsessão na umbanda

O que sãos Orixás?

Os sítios vibracionais dos Orixás

Alguns tipos psicológicos associados aos Orixás; Oxalá, Yemanjá, Xangô, Ogum, Iansã, Oxum, Oxossi, Nanã Buruquê, Omulu.


sábado, 12 de março de 2011

MAIS DE 20 PAÍSES GERAM ALERTA DE TSUNAMI APÓS TERREMOTO




Associamo-nos em energias e vibrações positivas a vocês caríssimos irmãos nesse momento de extrema delicadeza.
Qualquer palavra que possamos lhes emitir será muito pequena em relação a dor que sentem.
Em profundo carinho, vibramos pelas reconstruções interna e externa de todos vocês.
Que a Santa Mãe de Jesus, Jesus e todas suas plêiades de luz os reconforte e os impulsione a aceitação e a reorganização de vossas vidas o mais breve possível.
Quanto aos que partiram, temos a certeza de que já estão sendo amparados pela Providencia Divina que jamais desampara a nenhum dos seus filhos.
* * *
Transição Planetária

Antes de mais nada faz-se necessário compreender que transitar, ou seja, estar em mutação, mudança, é estado natural desde sempre, para quase todo o sempre, até que tudo se absorva novamente no ponto primordial do universo, origem. Transição não é um momento futuro, é um momento do agora, ad eternum.

Tendo isso com clareza, o que vem a ser então a chamada Transição Planetária? Ápice, é o que é. Ponto máximo para aonde tudo converge, e por ser o acelerar das mudanças, torna-se algo por demais perceptível, destaca-se. O que quero dizer é que 21 de dezembro de 2012 não é um dia diferente de outros, não é uma quebra, mas pode bem ser o dia máximo do crescendo dos encadeamentos.

O que se propala é que haverá uma maior incidência de terremotos, vulcões em forte atividade, mudanças climáticas, efeitos físicos planetário de toda ordem, efeitos naturais certamente, mas com maior magnitude. Isso é inequívoco termos de aceitar que já está a ocorrer. Não são conjecturas, qualquer fonte jornalística é prova mais que bastante. Importante é notar o crescendo dessas ocorrências.

Também é dito que ocorrerá um alinhamento galáctico fazendo alinhar a Terra o Sol e o centro da Via Láctea. Bom, aqui é importante juntar esse conhecimento com outro, a Astrologia. Quanto a isso serei breve. Segundo a Astrologia, o mapa celeste, sua formação em relação à Terra e às pessoas, tem influência sobre comportamentos e tendências. Polêmico !?... Quem se der ao trabalho de estudar a fundo e usar da estatística para ver que os mapas astrológicos personalizados traçam muito bem o perfil psicológico de uma determinada pessoa, esse alguém sairá do terreno da polêmica e assentará os pés no solo firme da ciência.

Vamos agora colocar tudo isso de lado e observar a linha da história humana. Não é necessário ir muito longe, fiquemos com os 2000 anos atrás até os dias de hoje. São 2 milênios em que várias filosofias e religiões forjam lentamente, veja bem, lentamente, o homem no seu caráter e espiritualidade. E lentamente não por serem estas forças impulsoras débeis ou inapropriadas, é que é da natureza humana a mudança lenta. Compreender o que está em cima leva tempo, não ocorre grande evolução ou mudança em uma década ou século. Mudança espiritual, enquanto não for vontade consciente do aprendiz, é escada que se sobe lerdamente.

Agora sim podemos juntar tudo. Afirma diversas fontes que o mundo se tornará um lugar mais espiritualizado e luminoso. Que o homem se tornará pacífico e amável. Que correrá leite e mel no mundo. Ora, em 2000 anos o homem ainda é um bicho homem, belicoso, egoísta e inebriado por suas torpes filosofias materialistas. Cabe aqui um sério questionamento: O mundo vai mesmo se regenerar por agora, em tão pouco tempo? São duas as respostas possíveis.

Não. Então o mundo vai continuar a sua trajetória e os filhos de nossos filhos se perguntarão sobre quando será o Armagedom.

Sim. Bom, nesse caso é impossível acreditar que de uma hora para outra TODA a humanidade se redima tornando-se tão bela quanto se espera que seja. Então, meus caros, é muito justificável e plenamente lógico que haja mesmo muitas mortes, muitas catástrofes, guerras e rumores de guerras, terremotos, vulcões e toda a variedade de fenômenos que causem desencarnes em massa. E quando digo em massa, refiro-me à grande maioria da humanidade, pois que de outra forma não há como fazer com que os já detentores de nível espiritual para germinar esse “novo mundo” tenham capacidade e força para tal. E creiam-me, o mundo tem de mudar...Vai mudar...

Alexandre Sinicio 16/05/2010
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google analytics